Pesquise aqui

Menu

julho 30, 2010
Dicas para um procedimento seguro e higiênico

É segura?
A depilação cavadíssima, aquela que remove quase todos (ou todos) os pelos da região da vagina e ânus, ficou sob suspeita após ser proibida em Nova Jersey, nos Estados Unidos.
O comitê estadual responsável pela regulação de cosméticos e cuidados com o cabelo, subordinado à divisão de assuntos de consumo de Nova Jersey considerou o procedimento nocivo à saúde das mulheres. A decisão veio após a internação hospitalar de duas mulheres que contraíram infecções durante a depilação.

Mas será que a depilação íntima é segura?

"Se a pessoa tiver uma boa higiene e escolher um método apropriado, pode depilar a área sem problemas", garante a dermatologista Fátima Pazos, do Rio de Janeiro.
Confira as dicas para fazer com segurança a depilação íntima

Lâmina
Apesar de se tratar de uma solução rápida, a lâmina deve ser evitada. Como a visibilidade da região da vagina e do ânus é muito ruim, você pode se cortar facilmente, o que aumenta o risco de infecções.
Para quem optar pelo método deve-se deslizar a lâmina no sentido do crescimento dos pelos. Este cuidado evita que a região fique sensível demais, além de minimizar possíveis pelos encravados.
Procure remover os pêlos após o banho, com a pele limpa. A água quente funciona como um antiinflamatório e dilata os poros.
Como os pelos não são retirados pela raiz, deixam a região um pouco áspera ao toque quando começam a crescer novamente - o que ocorre entre 24 e 48 horas após a depilação.

Cera quente
A cera quente é uma boa pedida para quem não sofre com pelos encravados. Ela deve ser retirada do sentido contrário ao crescimento dos pelos.
Os pelos demoram, em média, 20 dias para crescer novamente. E, após muitas depilações com cera, passam a crescer em menor quantidade por conta dos constantes traumas sofridos na raiz.
O ideal é não marcar a sessão no mesmo dia em que terá aquele encontro caliente com o seu amor, pois a região depilada pode ficar vermelha, sensível e levemente inchada.
Importante: A cera deve ser descartável! É aconselhável confirmar se a depiladora não reaproveita o material. Caso contrário, a cera poderá estar contaminada pelas outras depilações realizadas podendo causar infecções.

O creme depilatório é uma ótima opção para quem não suporta a dor da cera quente ou fria. Antes, confira se o produto é apropriado para a região da vagina e do ânus.
Faça um teste de sensibilidade no braço para ter certeza de que você não é alérgica. Em alguns casos, o princípio ativo do produto pode causar sérias alergias.
Os pelos caem depois de alguns poucos minutos após a aplicação do creme.
O resultado da depilação íntima com creme depilatório dura cerca de três dias.


Por Catarina Fávero
Conteúdo do site VIVA!MAIS

Um comentário:

  1. amei as dicas de depilação!!
    beijão
    sermulhereomaximo.blogspot.com

    ResponderExcluir

Faça seu comentário sobre este artigo. Adoro receber comentários dos meus seguidores! Obrigada!!!!

SEE

Seguidores

Visitantes

Tecnologia do Blogger.

Blogosfera

Se quiser trocar selos com o nosso blogger, link o nosso banner e nos envie um email com o assunto "PARCERIA": comercial@planetadamulher.com.br dizendo em qual página nosso banner foi linkado
 
 
 

 Chic Fashion

 

Central Blogs

Looks

Postagens populares

Newsletter

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Quem Escreve

O point de encontro da mulher moderna! Esperamos por vocês!